TJ-SP mantém decisão do Tribunal e aponta prescrição de dívidas de cartão de crédito em 5 anos. A entrevista é com o advogado Sidval Oliveira.(Reprise)

0
139

DEIXE UMA RESPOSTA