Correios: Entregas são retomadas mas sindicato diz que escolta é insuficiente

0
31

As entregas dos Correios foram retomadas nesta semana em Campinas e serão feitas com escolta nas áreas consideradas de risco. A exceção é a região do Ouro Verde, onde os 12 assassinatos foram registrados em um período de quatro horas. No local, as entregas estão suspensas por tempo indeterminado e a base dos Correios já está pedindo para que os moradores façam a retirada no local.

As entregas foram suspensas após uma decisão da Justiça. Em nota, os Correios informaram que a previsão era que a empresa terceirizada de segurança começasse só no dia 23, mas antecipou a escolta diante do “agravamento da onda de violência que acomete a cidade”.

Apesar do serviço segurança, o diretor do Sindicato dos Correios de Campinas e Região, Fábio Xavier, diz que número de carros que fazem o trabalho é insuficiente. São 73 áreas de risco, com sete carros de escolta. Fábio reforça que os trabalhadores só vão sair com segurança e que reflexo é o atraso nas entregas.

As escoltas estão funcionando em esquema de revezamento. Os Correios afirmaram que o serviço de segurança vai acontecer durante todo o mês. Ainda nota, disseram que está sendo investido R$ 240 milhões em recursos como contratação de serviço de escolta armada e rastreadores.

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA