Hemocentro completa 30 anos com 750 mil doadores e 270 mil pacientes beneficiados

0
154

O Hemocentro da Unicamp completa 30 anos com a marca de mais de 750 mil doadores de sangue, o que representa quase um milhão e meio de bolsas coletadas. Mais de 270 mil pessoas foram atendidas nesse período.

No final de ano, a tendência é que as doações de sangue diminuam devido às férias, com as viagens, e as festas de natal e ano novo. Por isso, o Hemocentro da Unicamp realiza campanhas para incentivar os doadores. A queda das doações chega a 70%.

O diretor de coleta de sangue da unidade, Wagner de Castro, explica que com maior expectativa de vida procedimentos se tornam complexos e a demanda por sangue aumenta. O número de doadores, precisa acompanhar isso.

Neste final de ano, o banco de Sangue da Unicamp tem os tipos O e A em estado de perigo, que significa que os estoques estão baixos, próximos do desabastecimento. O RH negativo também é mais raro e por isso há uma necessidade especial.

Para se ter uma ideia, em um transplante de fígado, são usadas até 15 bolsas de sangue.

Em Campinas há vários pontos para doação como Unicamp, Mário Gatti e Hospital da Pucc. Há ainda postos itinerantes. Informações desses locais, atualização do banco de sangue e esclarecimentos de dúvidas em relação a doação de sangue estão no http://www.hemocentro.unicamp.br/. O telefone é 0800-722-8432.

DEIXE UMA RESPOSTA