Temperatura em Campinas supera os 33º e umidade despenca mais um dia

0
36

Oficialmente estamos no inverno, mas, na prática, a temperatura tem passado bem longe de deixar o clima mais ameno. Na tarde desta quarta-feira, a estação do Cepagri da Unicamp chegou a marcar 33,1º. Mas, se não bastasse isso, a umidade do ar acabou despencando mais uma vez e Campinas entrou em estado de alerta depois que a umidade chegou a 12,4%. De acordo com a Defesa Civil, o estado é decretado quando a umidade do ar fica entre 20% e 12%.

Na rua, o incômodo pelo calor intenso e a baixa umidade era evidente. Maria José tinha acabado de sair de uma farmácia e comentou a respeito da situação.

Já Michelangelo Venorassio é motorista do transporte coletivo e disse que também estava sofrendo com o calor e a baixa umidade.

A meteorologista do Cepagri da Unicamp, Ana Ávila disse que esse tem sido um dos invernos mais secos dos últimos anos e que o período também tem sido atípico pela sequência de dias com baixa umidade do ar. No caso de a umidade do ar ficar abaixo de 12% aí o município entra em estado de emergência.

Nesses casos a Defesa Civil recomenda a interrupção de qualquer atividade ao ar livre entre 10 e 16 horas, inclusive aulas de educação física e entrega de correspondência, entre outras.

A orientação abrange ainda, no mesmo período, a suspensão de atividades que exijam aglomerações de pessoas em recintos fechados como aulas e cinemas. É recomendado, ainda, que durante as tardes sejam mantidos umedecidos os ambientes internos, principalmente quartos de crianças e hospitais.

DEIXE UMA RESPOSTA