Início do horário de verão pode impactar no sono

0
279

A partir da zero hora de domingo, 15 de outubro, os relógios devem ser adiantados em uma hora. De meia noite, passam para uma da manhã, porque começa o horário de Verão e pensa em assunto que divide opiniões.

O impacto no sono é uma das principais queixas. Shigueo Yonekura que é neurologista e especialista no assunto explica que esse distúrbio atinge várias pessoas e merece atenção.

Em média, pessoas predispostas a problemas com sono demoram cerca de uma semana pra se adaptar ao horário de verão. Nos casos mais complicados, é sempre recomendado buscar um médico; Algumas dicas, no entanto, podem ajudar. Com calor do verão, dormir em ambiente arejado, com uso de ventilador, ar condicionado, praticar exercícios, mas não muito perto da hora de dormir, além de se atentar à alimentação, evitando produtos com cafeína, por exemplo.

Além dessa diferença no corpo de cada um, é diferente a percepção que as pessoas têm da efetividade do horário de Verão. Fátima Honório não vê, por exemplo, economia na conta de luz, ao contrário de Gabriele Martins.

Para o início do horário de verão, outros pontos são importantes como se organizar com os horários neste final de semana de feriado prolongado. Para quem vai viajar de ônibus, a Socicam que administra Terminais Rodoviários em São Paulo, Minas Gerais, Distrito Federal e Mato Grosso do Sul, informa que os ônibus com partidas programadas até às 23h59 do sábado sairão normalmente, obedecendo ao horário antigo.
Os ônibus que têm partidas previstas a partir da 1 hora de domingo (15) sairão obedecendo ao novo horário. Assim, não haverá passagens datadas de 15 de outubro com horário de embarque entre 0h e 0h59.

DEIXE UMA RESPOSTA