Campinas se integra a programa de incentivo ao Parto Normal

0
48

A Maternidade de Campinas passa a contar com um programa especial de incentivo ao parto normal, com a inauguração do Centro Administrativo Dr. Eduardo Pereira de Almeida. O Centro faz parte do Programa Parto Adequado, cuja proposta é mudar o modelo assistencial, qualificando a atenção ao parto e ao nascimento para reduzir as intervenções cirúrgicas desnecessárias e, com isso, reverter os indicadores que transformaram o Brasil no país campeão de cesáreas.

A inauguração desse Centro insere a Maternidade de Campinas num programa de iniciativa da ANS – Agência Nacional de Saúde Suplementar. O diretor-presidente da Maternidade de Campinas, Carlos Ferraz, explica que a cesáreas oferece 4 vezes mais chance de morte para a mãe e riscos de saúde para o bebê.

O Centro é formatado para fazer adequações para a incorporação de equipe multiprofissional, capacitar os profissionais para ampliar a segurança na realização do parto normal, promover o engajamento do corpo clínico, da equipe e quebrar paradigmas e o medo das gestantes em relação ao parto normal, desde o pré-natal até o pós-parto.

A expectativa é de que o programa contribua para reduzir as cesáreas no Hospital, que hoje representam 85,5% dos partos, na maior parte das vezes, por desejo da própria gestante. Angélica Soares conta que o receio que tinha em relação ao parto normal acabou após te recebido esse tipo de orientação na Maternidade de Campinas. O novo Centro Administrativo está instalado num prédio que foi reformado em parceria com a Faculdade São Leopoldo Mandic, que investiu cerca de R$ 700 mil nas instalações.

De acordo com o coordenador do curso de Medicina da Faculdade São Leopoldo Mandic, Guilherme Succi, é uma contrapartida ao estágio obrigatório de treinamento que os alunos de Medicina da instituição fazem na Maternidade. A Maternidade de Campinas vai também instalar mais cinco quartos especiais para partos normais, como forma de separá-los do ambiente obstétrico, ainda sem previsão de data para inauguração.

DEIXE UMA RESPOSTA