Grupo protesta contra criminalização do aborto até em caso de estupro

0
29

Um grupo formado por ao mesmo 150 pessoas protestou na noite desta, segunda-feira, no centro de Campinas contra a PEC 181, que pretende criminalizar o aborto em todos os casos no Brasil, inclusive após estupros.

O grupo de manifestante, com faixas e cartazes em punho bloqueou trechos das avenidas Francisco Glicério, Moraes Sales, Irmã Serafina e Anchieta. Por volta 20h30 os manifestantes chegaram em frente a Prefeitura, onde houve uma concentração.

A PEC foi aprovada por uma comissão mista na Câmara dos Deputados na semana passada.

Atualmente o Código Penal permite a interrupção da gravidez em casos de estupro e quando houver risco para a vida da mulher.

Com a aprovação do texto-base, os deputados da comissão passarão a analisar, no próximo dia 21, sete destaques que podem alterar o conteúdo da proposta.

Para o presidente da Câmara dos Deputados , Rodrigo Maia, a proibição de aborto em casos de estupro “não vai passar” na Casa.

DEIXE UMA RESPOSTA