Contratações de planos de saúde registram crescimento em Campinas

1
55

O número de pessoas com plano de saúde em Campinas aumentou entre setembro e outubro, mas segue menor que no ano passado, segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar. Em outubro, quase 586 mil pessoas tinham um plano, o que representou um aumento de 0,16% em relação ao mês anterior. Mas quando comparado ao mesmo período de 2016, o índice é menor, com queda de 0,15%.

A estimativa é que quase 30 mil pessoas perderam a assistência médica depois que foram demitidas por causa da crise financeira dos últimos dois anos. Como a taxa de emprego na região cresceu neste segundo semestre, segundo a pesquisa de sondagem industrial divulgada pelo Ciesp Campinas, a tendência é de que parte dos trabalhadores recuperaram seu plano de saúde. O reflexo do desemprego no aumento do atendimento no SUS é muito grande, principalmente no atendimento primário e de especialidades, como afirmou o médico e ex-secretário de saúde de Campinas, José Francisco Kerr Saraiva.

O mercado de planos de saúde aguarda a retomada dos empregos para voltar a crescer. Isso acontece porque os planos coletivos empresariais representam 65,2% de todos os contratos em vigor na cidade.

1 Comentário

DEIXE UMA RESPOSTA