Vírus da Zika pode ajudar a tratar pacientes com câncer no cérebro

0
79

O vírus da Zika pode ajudar a tratar pacientes com câncer no cérebro. É o que destaca trabalho divulgado recentemente, por pesquisadores da faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas. Diante da constatação de que o vírus mata células do cérebro em recém-nascidos, mas não em adultos, eles decidiram fazer um teste que foi o marco da pesquisa. Os pesquisadores do laboratório Inovare da Unicamp, infectaram com o o vírus Zika células com “Glioblastoma”, o tumor maligno de cérebro mais comum que existe. Um dia depois, o vírus da Zika já tinha eliminado metade das células tumorais. Após 48 horas, mais células de câncer haviam morrido. Já as células saudáveis não foram afetadas pela ação do vírus. O trabalho publicado numa revista científica americana mostrou que o encontro do vírus da Zika com a célula do câncer, produziu uma substância responsável pela morte dos tumores, a “digoxina” que já é utilizada na medicina no tratamento de doenças cardíacas. De acordo com os pesquisadores, os estudos continuam e a expectativa é de será possível desenvolver desde uma terapia com o vírus a uma vacina para tratamento então do câncer no cérebro.