Alckmin explica relação com cunhado e nega caixa 2

0
213

Em agenda na região de Campinas, no interior de São Paulo, o governador Geraldo Alckmin se explicou sobre a relação dele e de familiares com o cunhado Adhemar Ribeiro, acusado por delatores da Odebrecht de receber R$ 2 milhões em caixa 2 para a campanha do tucano em 2010.

Empresas da família dele tiveram ou têm como sede o edifício comercial de propriedade de Adhemar.

Alckmin explica a situação dizendo que em nenhum dos casos, há ou houve uso do espaço. Uma das empresas é do próprio governador e as duas outras dos filhos. Ele  também nega ter usado recursos de caixa 2 na campanha.

Alckmin também foi questionado sobre a disputa presidencial. Em relação ao apoio do PSB disse que seria bom, mas que a candidatura independe disso.

O governador Geraldo Alckmin esteve Hortolândia, onde iniciou obras complementares do Corredor Metropolitano e em Limeira, na inauguração do novo Fórum da cidade, na manhã desta segunda-feira (12/03).