Policlinica II de Campinas terá que ser transferida para novo prédio até início de 2019

0
178

A Prefeitura de Campinas terá que mudar a sede da Policlínica II diante de irregularidades constatadas no atual prédio que fica na Avenida Campos Sales. Houve um acordo com o Ministério do Trabalho e a mudança terá que ocorrer até o dia 18 de fevereiro de 2019.

A administração já tem o novo endereço, na Avenida Francisco Glicério nº 1.477. Apesar da determinação, do espaço cedido pela união, a prefeitura ainda não traça previsões.

Conversamos com a Diretora de Saúde, Mônica Nunes.

Pelo acordo, as atividades no atual endereço devem ser encerradas até o dia 4 de fevereiro de do ano que vem. Quem usa a Policlínica II, hoje em Campinas, não vê a hora da mudança, diante da precariedade do espaço.

A denúncia que originou o procedimento investigatório no MPT foi encaminhada pelo Sindicato dos Servidores de Campinas que apontava estrutura precária do prédio, falta de manutenção em elevadores, problemas na iluminação e na parte hidráulica, mobiliários inadequados, armazenamento irregular de produtos químicos e de limpeza e ausência de mangueira na caixa de hidrantes.

O próprio secretário de Saúde de Campinas, Carmino Souza, admitiu que as condições da Poli II são “indignas” desde a instalação. A declaração foi dada em audiência.

Com a mudança, a pasta garante que vai manter o básico no prédio antigo, até a transferência total.

O descumprimento do TAC implicará em multa de R$ 150 mil por item ou subitem descumprido, além de multa diária de R$ 1 mil, que serão reversíveis ao Fundo de Amparo ao Trabalhador.