Honda suspende produção na fábrica de Sumaré por conta da greve

0
200

A montadora Honda suspendeu a produção de carros na fábrica de Sumaré por conta da greve nacional dos caminhoneiros. Os motivos alegados são o desabastecimento de peças para a unidade, necessárias para a montagem dos veículos; e o transporte de carros até as concessionárias, também comprometido devido à paralisação.

A situação se repete em outras montadoras pelo país, como em quatro fábricas da Volkswagen, três da Ford e da GM, duas da Toyota e parcialmente em unidades da Fiat e Honda, entre outras indústrias do setor.