Pistache

0
92

Narrativas cristãs e muçulmanas contam que ele é um dos alimentos que Adão levou consigo ao ser expulso do Jardim do Éden. Hoje vou falar sobre o pistache.

Nativo do Oriente Médio, o pistache é uma das mais antigas árvores de floração. Evidências arqueológicas recentes na Turquia, sugerem que os humanos consomem o pistache desde 7000 a.c. Próspero em climas quentes, o pistache se propagou rapidamente no Oriente Médio e no Mediterrâneo e se tornou uma iguaria apreciada por todos. O pistache tem sido usado como agente de tingimento e remédio popular para doenças que variam de dores de dente à esclerose do fígado. O alto valor nutricional do pistache e o longo período de armazenamento o tornou um item indispensável nas viagens dos primeiros exploradores e comerciantes. Estudos recentes sugerem que o pistache é mais rico em betacaroteno e vitamina E do que os outros tipos de nozes. Seus grãos são mais frequentemente consumidos inteiros, torrados e salgados. O pistache é utilizado em embutidos como mortadela, em doces como pudins e no famoso sorvete de pistache. Saudável e muito saboroso.