Hospitais públicos de Campinas e região retomam as cirurgias eletivas

0
333

As cirurgias eletivas no Hospital de Clinicas da Unicamp, que estavam suspensas desde o dia 26 de maio foram retomadas, nesta terça-feira. A suspensão havia sido necessária devido a greve dos caminhoneiros. Durante a paralisação, o HC manteve apenas atendimento a casos de urgência e emergência. As cirurgias eletivas também foram retomadas no Hospital Estadual de Sumaré. O mesmo aconteceu no hospital da Puc-Campinas que também havia suspendido as cirurgias eletivas por conta do desabastecimento provocado pela greve. No Hospital Estadual Mário Covas, de Hortolândia as consultas e exames cancelados nos dia 28 e 29 de maio já estão sendo remarcadas e as cirurgias eletivas reprogramadas, mas neste caso, o agendamento do ainda não voltou ao normal. Em Americana, a situação também já está normalizada no Hospital Municipal Waldemar Tebaldi  e  na Santa Casa de Valinhos, que retoma as cirurgias eletivas a partir desta terça-feira.