Tradição de Santo Antônio é mantida em Campinas com celebrações

0
123

13 de junho, dia de Santo Antônio e na Paróquia de Campinas, muitos devotos passam ao longo do dia nas missas, para ganhar o pão que significa a fartura e também para comprar o famoso bolo. Nesse ano, são 175 metros e mais de uma tonelada de doce de leite, com 4 mil medalhinhas de Santo Antônio espalhadas pelo doce. O principal pedido, dizem, continua sendo o casamento. Silvana Miranda que trabalha como voluntária na confecção garante que dá certo.

Sandra Regina Andreotti há alguns anos vem com esse pedido a Santo Antônio, mas não se restringe a isso. Gratidão também está presente.

Na fila para o bolo, é fácil encontrar que já teve o pedido realizado, como Daiane Fernanda.

Padre Antonino Fernandez que está a cerca de meio século na Paróquia de Santo Antônio em Campinas foi quem começou a tradição do bolo no local em 1998 e reforça devoção.

Santo Antônio é clamado nas mais diversas situações e até porque já desistiu de casar, como Cássia Rosalina. Cristen mantém a fé nesse quesito.

As missas neste dia 13 de junho começaram às 7 da manhã na paróquia de Santo Antônio, ocorrendo a cada duas horas, até a ultima, às 7 da noite.