Segundo dados divulgados nesta quarta-feira, pela Agência de Inovação, a Inova da Unicamp, as “empresas-filhas” da Universidade Estadual de Campinas, faturaram R$ 4,8 bilhões desde outubro do ano passado.

O resultado significa um aumento de 60% sobre os R$ 3 bilhões contabilizados no balanço de 2017.

O montante indica também um saldo equivalente a 85% dos R$ 5,6 bilhões em receitas que integram o orçamento de Campinas.

O levantamento mostra que 101 novas companhias foram registradas durante o período avaliado. Neste momento estão ativas 604 empresas, enquanto que no mesmo período do ano anterior eram 485.

Os indicadores também refletiram na geração de 1,2 mil empregos diretos. O total de postos de trabalho contabilizados subiu de 28,8 mil para 30 mil, diferença equivalente a 4,1% de um ano para  o outro.