O Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp sediou o seminário “Literatura, Memória e Resistência: a ditadura ontem e nova ameaça hoje”. O evento contou com a participação da a jornalista e escritora Anna Lee, coautora, ao lado de Carlos Heitor Cony, do livro O beijo da morte; o diplomata Antônio Mesplé, que integrou a Comissão Nacional da Verdade; o diplomata e escritor Edgard Telles Ribeiro, autor de uma trilogia que explora o tema da ditadura militar brasileira e o político João Vicente Goulart, autor de Jango e eu: memórias de um exílio sem volta.

Os convidados revisitaram o período da ditadura e buscaram similaridades com o momento político atual. Eles apresentaram suas ideias e depois abriram o debate para que os alunos pudessem participar. Para João Vicente Goulart, não há risco para a democracia no país, mas há uma preocupação no discurso do presidente eleito, Jair Bolsonaro. Já o diplomata e escritor Edgard Telles Ribeiro afirmou que existem muitas similaridades na atualidade com os momentos que antecederam a ditadura no Brasil. Ele citou o exemplo da ação do judiciário nas universidades federais durante as eleições gerais.

O seminário contou com a participação dos alunos do Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp.