Guardas Municipais de Paulínia apreenderam cerca de 100Kg de correspondências dos Correios com um homem de 39 anos, na madrugada desta terça-feira, no bairro Bom Retiro.

Aos Gms, o homem disse que ele é funcionário dos Correios em Sumaré e que estava com as cartas há cerca de um mês. Boa parte das correspondências estava violada.

O rapaz foi encaminhado à Delegacia de Paulínia, onde foi ouvido e liberado. Ele deve responder por furto e peculato.

Em nota, os Correios informaram que acompanham o caso para tomar as medidas administrativas cabíveis e realizam os devidos encaminhamentos junto aos órgãos de segurança. A empresa destaca que a conduta atribuída ao carteiro não condiz com as normas da instituição e não reflete o comportamento do seu quadro de pessoal.

A empresa disse que orienta os clientes para que aguardem o recebimento de seus objetos postais em suas residências. Informações sobre extravios e indenizações podem ser obtidas pelos canais oficiais de atendimento da empresa.