O Detran.SP lacrou, nesta terça-feira, quatro desmanches em Campinas, Indaiatuba e Valinhos, durante Operação Integrada com a Polícia Civil. Os comércios não tinham autorização do órgão estadual para vender peças usadas e comercializavam produtos sem nota fiscal e peças sem cadastro no departamento, como exige a lei estadual.

Em Indaiatuba, foram duas lacrações, enquanto que em Campinas e em Valinhos foi uma cada. Ao todo, seis estabelecimentos foram fiscalizados pelas equipes do Detran, acompanhados da polícia.

O órgão vai abrir procedimento administrativo nos casos e os proprietários dos desmanches clandestinos podem responder criminalmente e por danos ao ambiente pela atividade ilegal.

O cidadão pode colaborar com a fiscalização denunciando desmanches clandestinos à Ouvidoria do Detran.SP pelo portal www.detran.sp.gov.br, na área de “Atendimento”.