Um sargento aposentado da Polícia Militar foi preso nesta terça-feira pela Polícia Civil por agredir o próprio pai, de 90 anos, em Campinas.

O militar de 62 anos foi preso em flagrante pelo crime de lesão corporal, mas pagou fiança de R$ 1 mil e foi liberado.

A denúncia foi feita pela vítima, que procurou a delegacia e contou aos policiais que foi agredido na manhã desta segunda-feira com socos e pontapés, após uma discussão. Ele contou ainda que o sargento teria despejado óleo de cozinha no pai, que ficou com ferimentos nos braços, pernas e cabeça. Segundo a vítima, não é a primeira agressão praticada pelo filho contra ele.

Quando a Polícia chegou à casa do sargento, ele negou as acusações. Por ser oficial reformado da PM, o caso foi encaminhado para a Corregedoria da Polícia Militar.

A Secretaria de Segurança Pública informou, em nota, que o caso é apurado em inquérito policial pelo 8o DP, que relatará à Justiça com indiciamento.