Defesa Civil de Campinas conscientiza sobre desastres

Uma preocupação que afeta todas as áreas, mas em especial a Defesa Civil, é a interrupção de serviços e sistemas de comunicação na ocorrência de desastres ou ataques cibernéticos. Pensando nisso, a Defesa Civil de Campinas aderiu a uma ação estadual sobre que reuniu gestores públicos, setor privado e a comunidade em geral, que promove uma cultura global de conscientização de riscos e redução de desastres e segurança cibernética, como explica o coordenador regional da defesa civil, Sidnei Furtado, que é também promotor da Campanha Construindo Cidades Resilientes no Brasil pelo Escritório das Nações Unidas para Redução de Riscos de Desastres.

O encontro contou com a participação do coronel Rogério Winter,  formado na Academia Militar de Agulhas Negras, assessor no escritório do Sistema Defesa, Indústria e Academia de Inovação do Exército Brasileiro em Campinas. Ele aborda a questão da Resiliência Cibernética numa uma visão além da tecnologia. Com mais de 30 anos de experiência profissional, e atuando principalmente em segurança da informação, guerra cibernética, comando e controle, guerra eletrônica e cybersecurity, o coronel Rogério Winter alerta para importância de um sistema de Backup. O encontro, realizado em 9 de outubro, marcou o Dia Internacional da Redução do Risco de Desastres, que começou em 1989, após uma convocação da Assembleia Geral das Nações Unidas.